Seguradora Líder esclarece dúvidas sobre o Seguro DPVAT

Home \ Geral \ Seguradora Líder esclarece dúvidas sobre o Seguro DPVAT
Seguradora Líder esclarece dúvidas sobre Seguro DPVAT

A Seguradora Líder vem adotando diversas medidas para tornar o acesso ao Seguro DPVAT ainda mais fácil e rápido. Uma delas é continuar ampliando o conhecimento da população sobre o direito à cobertura por reembolso de despesas médicas e suplementares, que tem o segundo maior número de indenizações pagas anualmente. Até setembro, dos mais de 250 mil sinistros pagos em todo o país, 53.531 foram por ressarcimento de vítimas que tiveram gastos na área da saúde causados por acidentes com veículos. Destes, mais de 40 mil foram por ocorrências envolvendo motocicletas. São Paulo, Minas Gerais e Ceará foram os estados que mais registraram benefícios pagos por despesas médicas neste período.

Assim, todas as vítimas de acidentes de trânsito que tenham tido gastos na rede privada de saúde têm direito ao Seguro DPVAT. Além disso, os indenizados por invalidez permanente que tenham tido despesas durante o tratamento também podem dar entrada para reembolso. O seguro prevê a cobertura de gastos como consultas, cirurgias, atendimentos de emergência, remédios e tratamentos suplementares como fisioterapia. O valor da indenização pode chegar a R$ 2.700.

Entre as despesas médicas mais procuradas pelas vítimas estão consulta médica, com reembolso médio de R$ 117 (a mais solicitada), curativo na pele, exame de sangue, raio X da perna, dos ossos da face (rosto), da clavícula/ombro, do pé ou dedos do pé, tomografia da coluna, bota de gesso e fisioterapia (braços e pernas).

Para dar entrada no Seguro DPVAT, é necessário reunir a documentação completa e correta, determinada por lei. Em todas as coberturas previstas, alguns documentos básicos são obrigatórios como RG, comprovante de residência e o boletim de ocorrência do acidente, mas para cada uma das coberturas, há a indicação de documentos específicos. Na solicitação do sinistro por reembolso de despesas médicas e suplementares, os gastos devem ser comprovados por meio de recibos ou notas fiscais acompanhadas das respectivas requisições e/ou receituários médicos. 

O acesso ao Seguro DPVAT é gratuito e dispensa a necessidade de intermediários. Com a documentação correta e completa em mãos, a vítima pode dar entrada em um dos quase 8 mil postos de atendimento autorizados em todo o país ou pelo aplicativo gratuito Seguro DPVAT, por meio do qual vítimas e beneficiários podem solicitar o benefício diretamente do celular. O download está disponível para Android e IOS. O prazo para análise e resposta da solicitação é de até 30 dias após a entrega de todos os documentos.

“A missão da Seguradora Líder é garantir que todas as vítimas de acidentes de trânsito recebam o benefício ao qual têm direito. Por isso, é fundamental que os brasileiros tenham conhecimento sobre este importante seguro de caráter social e saibam quando podem e devem solicitá-lo. Temos o objetivo, portanto, de ampliar cada vez mais as informações sobre a cobertura de reembolso de despesas médicas, de forma a estimular a solicitação pelas vítimas de ocorrências com automotores”, explica Arthur Froes, superintendente de Operações da Seguradora Líder.

Todos os detalhes sobre a cobertura estão disponíveis no site da Seguradora Líder: https://www.seguradoralider.com.br/Pages/Documentacao-Despesas-Medicas.aspx. Os beneficiários que tiverem dúvidas sobre o andamento do processo podem entrar em contato por meio da Central de Atendimento, das 8h às 20h, de segunda a sexta-feira, no 4020-1596 (Regiões Metropolitanas) ou 0800 022 12 04 (Outras Regiões). Para reclamações e sugestões, o contato é o SAC: 0800 022 8189, disponível 24 horas por dia.