Susep passa por reformulação

Home \ destaques \ Susep passa por reformulação
Susep passa por reformulação

Desde março, Solange Vieira é a nova superintendente da Susep. Nessa quarta, dia 29, ela esteve em São Paulo conversando com a imprensa especializada e disse que a autarquia está passando por mudanças para contribuir com o mercado segurador. Para ela, a autarquia deve auxiliar o mercado nas mudanças necessárias, mas com foco no consumidor e na livre concorrência. 

Solange Vieira revelou que a Susep passa por uma fase de reestruturação administrativa e organizacional e serão criadas cinco diretorias. “A previdência aberta e fechada devem ficar sob uma mesma diretoria”, adiantou. Para ela, tanto a Susep quanto a Previc foram agentes fiscalizadores. “Temos que sair de fiscalizar e propor mudanças”, ressaltou.

Sobre a união com a Previc, ela disse que o estudo já está sob análise no Ministério da Economia. “Se será projeto de lei ou Medida Provisória é uma decisão de Casa Civil e já está em discussão com o ministério da Economia”, afirmou. Durante a entrevista, mais de uma vez ela ressaltou que sua gestão pretende manter uma linha de negócios de incentivo à concorrência e crescimento. “O setor público está no mercado para isso: condicionar o crescimento da economia e, como consequência, gerar emprego e desenvolver o país”. Por isso, disse ela, a produtividade deve ser a tônica dos próximos anos, apesar do cenário de crise fiscal do País.

Ela afirmou que durante sua gestão pretende manter uma linha de negócios de incentivo à concorrência e crescimento. Para ela, o setor público está no mercado para condicionar o crescimento da economia e, como consequência, gerar emprego e desenvolver o país. Solange disse ainda que durante muito tempo a Susep atuou como agente de fiscalização quando, na verdade, é preciso também propor mudanças. “Estamos pensando em criar diretorias que cuidem de previdência, de produtos massificados, divididas por assuntos”, explicou. Ela ressaltou ainda acredita que a Reforma da Previdência será benéfica e o setor de seguros deve estar preparado para essas mudanças.

 

Sueli dos Santos

LEAVE YOUR COMMENT

O seu endereço de e-mail não será publicado.