Últimas notícias

Revista Seguro Total

Foco Total em Você. Há 20 anos!

Redação
[email protected]

Telefone
+55 (11) 3884-5966

Endereço
Av. Prof. Alfonso Bovero, 562
Pompeia, São Paulo – SP
CEP: 01254-000

Siga nas redes

AIG divulga resultados do quarto trimestre e do ano de 2019

Companhia registra índice combinado do ano inteiro foi 99,6% e o índice combinado ajustado no ano-acidente foi de 96,0%. E anuncia que chegou a um acordo para vender a participação majoritária na Fortitude Re, empresa de seguros legado

A AIG anunciou nesta quinta-feira, 13, lucro líquido atribuível aos acionistas ordinários da AIG de US$ 922 milhões, ou US$ 1,03 por ação ordinária diluída, no quarto trimestre de 2019, em comparação a uma perda líquida atribuível a acionistas ordinários da AIG de US$ 622 milhões, ou US$ 0,70 por ação ordinária, no mesmo trimestre do ano anterior. A melhoria deveu-se, principalmente, ao impacto favorável das iniciativas de subscrição e resseguro em General Insurance, ao desenvolvimento líquido favorável de reserva de perdas no ano anterior de US$ 153 milhões (antes dos impostos), comparado ao desenvolvimento desfavorável de reservas de perdas líquidas no ano anterior de US$ 365 milhões (antes dos impostos) no mesmo trimestre do ano anterior; por uma redução nas perdas líquidas por catástrofe antes de impostos de US$ 385 milhões em comparação com mesmo trimestre do ano anterior; e um aumento de US$ 833 milhões (antes dos impostos) em receita líquida de investimento comparada com o mesmo trimestre do ano anterior.

A receita ajustada após dedução dos impostos atribuível aos acionistas ordinários da AIG foi de US$ 919 milhões, ou US$ 1,03 por ação ordinária diluída no quarto trimestre de 2019, em comparação com um prejuízo ajustado pós-imposto atribuível aos acionistas ordinários da AIG de US$ 559 milhões, ou US$ 0,63 por ação ordinária, no mesmo trimestre do ano anterior.

A melhora deveu-se, principalmente, ao impacto favorável das iniciativas de subscrição e resseguros de General Insurance, redução de perdas por catástrofe e um aumento da receita líquida de investimentos, em comparação com o mesmo trimestre do ano anterior.

Em relação ao ano todo de 2019, o lucro líquido atribuível aos acionistas ordinários da AIG foi de US$ 3,3 bilhões, ou US$ 3,74 por ação ordinária diluída, em comparação com uma perda líquida atribuível aos acionistas da AIG de US$ 6 milhões, ou US$ 0,01 por ação ordinária, no ano anterior.

A melhora deveu-se, principalmente, à redução nas perdas líquidas por catástrofe de US$ 1,7 bilhão (antes dos impostos) em comparação com o ano anterior; ao impacto favorável das ações de subscrição e resseguro de General Insurance; e por um aumento na receita líquida de investimentos de US$ 2,1 bilhões (antes dos impostos), refletindo os ativos de crescimento, aumento de retornos alternativos e o impacto de taxas de juros mais baixas na opção de valor justo sobre títulos com vencimento fixo em relação ao ano anterior. A receita ajustada deduzidos os impostos atribuível aos acionistas ordinários da AIG foi de US$ 4,1 bilhões, ou US$ 4,59 por ação ordinária diluída para o ano inteiro de 2019, comparado a US$ 1,1 bilhão, ou US$ 1,17 por ação ordinária diluída, no ano anterior.

A melhoria deveu-se principalmente às menores perdas por catástrofe, desenvolvimento de reserva líquida de perda favorável em comparação com o desenvolvimento de reserva líquida de perda do ano anterior e maior receita líquida de investimentos.

Brian Duperreault, CEO da companhia, disse: “Nossos resultados financeiros para o quarto trimestre e para o ano de 2019 refletem o progresso significativo que fizemos ao longo de 2019 em posicionar a AIG para o crescimento em longo prazo, sustentável e lucrativo. Em 2019, o lucro atribuível aos acionistas ordinários após dedução dos impostos foi de US$ 4,1 bilhões, ou US$ 4,59 por ação diluída, e o retorno sobre o patrimônio líquido (ROCE) ajustado foi de 8,3%. A melhoria do nosso desempenho financeiro ao longo do ano foi de base ampla, com contribuições de todos os nossos segmentos, mas o mais notável foi o retorno à rentabilidade de subscrição em General Insurance. O índice combinado do ano inteiro foi 99,6% e o índice combinado ajustado no ano-acidente foi de 96,0%. Life & Retirement também apresentou resultados sólidos diante de ventos contrários a partir de baixas taxas de juros e ajuste nos spreads de crédito. Por fim, tivemos o prazer de anunciar que chegamos a um acordo para vender nossa participação majoritária na Fortitude Re, nossa empresa de seguros legado, que está programada para ser concretizada no meio do ano, sujeito a aprovações regulatórias”.

“Ao olhamos para 2020, continuaremos focados na execução de nossa estratégia para posicionar a AIG como uma seguradora líder e uma empresa de alto desempenho, comprometida em atingir um ROCE ajustado de 10% até o final de 2021. Além da continuação do trabalho como parte da recuperação de General Insurance, a iniciativa AIG 200 será prioridade. O AIG 200 é o nosso programa de transformação para toda a empresa, focado no longo prazo e posicionamento estratégico da AIG, rumo à excelência operacional. Estou confiante de que estamos no caminho certo e tenho muito orgulho do que nossos colegas têm feito desde minha chegada à AIG em 2017. Entramos começando 2020 com grande entusiasmo sobre o que o futuro reserva para a AIG”, acrescentou Duperreault.

You don't have permission to register